Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Cresce votação em assembleia virtual


Cresce votação em assembleia virtual

A adesão de acionistas ao voto à distância nas assembleias realizadas pelas empresas listadas na BM&FBovespa está avançando no Brasil. É o que revela o sistema remoto Assembleias Online, da MZ Consult, a partir do saldo da temporada de assembleias das empresas abertas de 2012, encerrada no dia 30 de abril.

A MZ, responsável hoje por 90%desse segmento de mercado, contabilizou 315 votos realizados por meio de procurações nas assembleias de 19 empresas, como Petrobras, BM&FBovespa, Cielo e Lupatech, realizadas entre janeiro e abril. O total representa mais que o dobro registrado em igual período de 2011 (140) e está muito próximo dos 384 verificados em todo o ano passado. Por meio de um certificado digital, o investidor pode votar de qualquer lugar do mundo, sem a necesside de ter que comparecer às assembleias que, em geral, são tediosas e bastante demoradas.

A Petrobras, comandada por Graça Foster, foi a empresa que recebeu o maior número de votos eletrônicos: 84 dos 315.

 

Regra favorece fundos

A ferramenta da votação digital foi aprovada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), xerife do mercado de capitais, por meio da Instrução 481. A regra não é uma unamidade entre advogados - aguns questionam a legalidade do voto. Mas, tem sido bem aceita entre fundos que têm carteira variada de investimentos que são obrigadas a comparecer nas assembleias.

 

Por Denise Carvalho

Nota publicada no Brasil Econômico em 18/05/12, na coluna Encontro de Contas.

Acesse: www.brasileconomico.com.br

 

 

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing