Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Advogados querem ação penal só após CVM


Advogados querem ação penal só após CVM

Uma das teses que começam a ser defendidas por advogados criminalistas nos inquéritos que apuram eventual uso de informação privilegiada no mercado de capitais é a de que a abertura de processos criminais não pode anteceder o fim do processo administrativo na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e, em grau de recurso, ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional - o Conselhinho.

A discussão sobre o tema não é nova. Nos casos de infrações tributárias, há alguns anos a jurisprudência do Poder Judiciário é a de que é preciso aguardar o fim do processo administrativo para que seja iniciada uma possível ação penal. Já nos casos de infrações contra a ordem econômica, como a formação de cartel, a tese também é defendida, mas até hoje não foi acolhida pela Justiça.

Nos casos de "insider trading" há três esferas possíveis de julgamento: além da administrativa, é possível abrir processos cíveis para pedir o ressarcimento de eventuais prejuízos a investidores e processos criminais para punir os responsáveis, ambos na Justiça Federal. Pelo fato de as instâncias serem independentes, pode haver punição em todas elas ou mesmo absolvição em uma e punição nas demais.

Leia matéria completa em http://www.valor.com.br/impresso/eu-investimentos/advogados-querem-acao-penal-so-apos-cvm

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing