Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Questionamentos sobre balanço foram restritos


Questionamentos sobre balanço foram restritos

Durante a reunião ontem entre Marfrig, investidores e analistas, os questionamentos foram divididos em dois blocos.

De um lado, analistas de bancos nacionais e estrangeiros concentraram suas dúvidas na recém-anunciada troca de ativos entre a empresa e a BRF. Do outro, dois representantes da Empiricus, que se define como uma equipe de análise independente, e um da Gradius, resultado da fusão das áreas de gestão da Empiricus e da Gradual, fizeram em público alguns dos questionamentos relacionados aos números da empresa - os mesmos que vêm sendo publicados há duas semanas no blog da Empiricus.

Antes de iniciar a apresentação, o diretor de relações com investidores, Ricardo Florence, afirmou que, nas primeiras fileiras, estavam presentes executivos da companhia e também auditores.

No meio da explanação, ao comentar as despesas financeiras, Florence afirmou que alguns dos questionamentos do mercado em relação ao tamanho da dívida da companhia não levavam em consideração as dívidas herdadas em aquisições e a variação cambial de alguns títulos. Em seguida, comentou que o material distribuído aos participantes da reunião continha um anexo - de nove páginas - para esclarecer algumas dúvidas apresentadas.

 

 

Notícia publicada pelo Valor Econômico em 13/12/11. Para ler a íntegra, acesse o site do jornal:

http://www.valor.com.br/impresso/eu-investimentos/questionamentos-sobre-balanco-foram-restritos

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing