Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Auditores do PanAmericano devem ser punidos pelo BC


Auditores do PanAmericano devem ser punidos pelo BC

 

Empresa que acompanhou contas do banco pode ser autuada em R$ 500 mil

Sócios da Deloitte, que diz ter sido induzida a erro e pode recorrer de decisão, não foram indiciados pela PF

TONI SCIARRETTA
JULIO WIZIACK
FLÁVIO FERREIRA
DE SÃO PAULO


Os sócios da Deloitte que fizeram a auditoria no banco PanAmericano não foram indiciados pela Polícia Federal, mas deverão ser punidos pelo Banco Central.

O BC tinha aberto um processo específico para apurar supostas irregularidades no trabalho da Deloitte -que não detectou as fraudes que levaram o PanAmericano a um rombo de R$ 4,3 bilhões, em novembro de 2010.

A Folha apurou que as investigações do BC estão praticamente concluídas e deverão resultar na autuação da Deloitte em R$ 500 mil e na inabilitação de pelo menos um dos sócios da auditoria, José Barbosa da Silva Junior, possivelmente por oito anos.

Esse prazo ainda não foi definido pelas autoridades. Ele varia de um dia a 20 anos de afastamento, dependendo da gravidade das infrações.

 

Notícia publicada pela Folha de S. Paulo em 24/11/11. Para lê-la na íntegra, acesse o site do jornal:

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/mercado/10797-auditores-do-panamericano-devem-ser-punidos-pelo-bc.shtml

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing