Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Odebrecht não pagou dividendos de 2010 aos Gradin


Odebrecht não pagou dividendos de 2010 aos Gradin

PATRÍCIA CANÇADO - O Estado de S.Paulo

Um ano depois de ficar publicamente conhecida, a disputa societária entre as famílias Gradin e Odebrecht ainda parece longe do fim. Donos de 20% das ações do grupo, os Gradin agora acusam a companhia de violar a Lei das S/A. Isso porque o ano terminou e eles não receberam os dividendos relativos a 2010, como manda a legislação.

Em geral, as empresas depositam o dinheiro em até dois meses após a data da declaração dos lucros - a menos que a assembleia determine o contrário, segundo especialistas na legislação consultados pelo Estado. Nos anos anteriores, o Odbinv (Odebrecht Participações) sempre agia dessa forma. Mas, em 2011, fez diferente.

Na assembleia geral ordinária, de 29 de abril, informou aos acionistas que distribuiria R$ 100 milhões e que o pagamento seria feito até o fim do exercício. Os Gradin, no entanto, ainda não viram os R$ 20 milhões que lhes são devidos. "É claramente uma retaliação. O objetivo do controlador é asfixiar o minoritário que está em litígio contra ele", afirma o advogado Luiz André Azevedo, que defende a Graal, holding da família Gradin.

 

 

Matéria publicada pelo O Estado de S. Paulo em 23/01/12. Para ler a íntegra, acesse o site do jornal:

http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,odebrecht-nao-pagou-dividendos-de-2010-aos-gradin,826028,0.htm

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing