Transparência e Governança

 
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
notícias Papéis da Vanguarda caem após denúncia de conselheiro


Papéis da Vanguarda caem após denúncia de conselheiro

Alvo de denúncia de um dos membros de seu conselho fiscal, a Vanguarda Agro continua vendo suas ações em queda livre. Ontem o papel fechou com baixa de 3,12%, a R$ 0,31.

No mês, as ações da empresa caem 41,5%. No ano, recuam quase 70%, o segundo pior desempenho do Ibovespa, um pouco atrás da B2W, de varejo on-line.

As ações da Vanguarda não apresentam alta desde o dia 9. Na terça-feira, a companhia foi questionada pela BM&FBovespa sobre o salto recente no número de negócios. No dia 14, por exemplo, as negociações mais que triplicaram em relação ao dia anterior, superando um volume de 9 mil operações.

Em sua resposta, a Vanguarda citou a venda de participação acionária dos fundos de investimento Vila Rica e Tiradentes, que se desfizeram de 48,1 milhões de ações em bolsa entre 12 e 16 de dezembro e de 76,8 milhoes de ações em uma venda privada realizada em 27 de outubro, representando 5,39% do capital total da companhia.

Leia matéria completa em http://www.valor.com.br/impresso/eu-investimentos/papeis-da-vanguarda-caem-apos-denuncia-de-conselheiro

 


Copyright © 2019 Transparência e Governança. Todos os direitos reservados.
___by: ITOO Webmarketing